Graduação

As disciplinas de Dermatologia são ministradas para os 180 alunos do 3° e 5° anos do Curso Médico da FMUSP por meio de aulas práticas e teóricas, utilizando-se recursos audio-visuais.

Para os alunos do 3° ano, o objetivo principal é capacitá-los, por meio de aulas teóricas e práticas, para o reconhecimento da semiologia dermatológica e dos principais recursos diagnósticos utilizados nas doenças cutâneas. Para os alunos de 5° ano, a disciplina é ministrada em regime de internato, em forma de estágio em tempo integral, na Divisão de Dermatologia do Hospital das Clínicas. Cada turma permanece um mês na Clínica, sendo que o internato é composto de 12 turmas. A carga horária total por turma é de 230 horas mensais.

O objetivo principal é capacitar os alunos a reconhecerem as principais doenças dermatológicas por meio de anamnese e métodos diagnósticos próprios da especialidade, abordando aspectos fisiopatológicos, etiopatogênicos, diagnósticos diferenciais e terapêutica.

Os principais temas abordados são: Semiologia dermatológica, eczemas, doenças eritêmato-descamativas, piodermites, dermatoviroses, Síndrome da imunodeficiência adquirida, micoses superficiais, doenças sexualmente transmissíveis, erupções medicamentosas, doenças do tecido conectivo, principais tumores cutâneos, paracoccidioidomicose, leishmaniose tegumentar americana, doenças vesico-bolhosas e manifetações cutâneas das doenças sistêmicas.

O estágio prático é bastante abrangente, compreendendo diversos setores da Enfermaria e do Ambulatório de Dermatologia, tanto da área clínica quanto laboratorial e cirúrgica.

As principais atividades no período de internato (5° ano) incluem: Ambulatório de doentes novos, ambulatório geral e didático de Dermatologia, micologia, cirurgia dermatológica, ambulatório de especialidades (biópsias, colagenoses, doenças sexualmente transmissíveis), checagens, plantões, visitas à enfermaria, hanseníase, cirurgia micrográfica de Mohs, reuniões científico-didáticas da Clínica e aulas teóricas ministradas exclusivamente por docentes com título mínimo de Doutor. O sistema de avaliação consiste na realização de provas teóricas, frequência e participação dos alunos.

O Departamento oferece ainda como atividades extra-curriculares aos alunos de graduação trabalho em duas Ligas: Liga de Combate a Sífilis e outras Doenças Sexualmente Transmissíveis e Liga da Hanseníase.